Últimas Notícias
Video Destaque
Post Destaque


13 de jan de 2014

A derrota de Gallia - Pallasite de Primeiro nível


A derrota de Gallia - Pallasite de Primeiro nível

Gallia usuária da chronotector Photontector, que supostamente defendia a deusa Pallas, traiu-a deliberamente quando decidiu enfrentrar os "insetos" dos humanos leais à deusa Atena. A sua pressunção, orgulho e altivez foram a sua queda e humilhação face aos cavaleiros de Atena. Pallas proibiu-a de matar Atena, mas esta disse que não lhe devia obediência, porque servia a outro deus (Chronos ou Saturno) e ainda gozou com ela, por Pallas ser a deusa do amor.



Esta revelou-lhe ainda que ela iria morrer em conjunto com Atena. O cosmo de Pallas cresce cada vez mais e ela volta a crescer até se tornar numa mulher adulta. Titan, outro pallasite de primeiro nível e chefe do exército de Pallas, jura lealdade a Pallas e promote protegê-la até ao fim.


Voltando à batalha com os cavaleiros de Atena, Seiya ataca Gallia, mas esta defende-se do golpe e fica a centímetros de enfiar a sua espada no Seiya. Neste momento, a voz de Pallas surge no recinto e pede que Gallia mate somente os cavaleiros - sem causar danos à deusa Atena. Paradox (ferida durante o ataque de Gallia) e Intregra, amazonas de Gémeos, decidem unir esforços e lutar novamente contra Gallia, recorrendo ao uso da técnica mais poderosa da constelação de Gémeos, a "Outra Dimensão".



Desta maneira não só conseguiram irritar mais a pallasite, como também abriram caminho para que os restantes cavaleiros de Atena (Kouga, Subaru, Yuna, Haruto, Ryuho, Shiryu, Souma e Eden - Shun e Hyoga ficaram para trás a lutar com Europa - pallasite de Segundo nível) conseguissem chegar até aonde estavam os cavaleiros Ouro (Seiya, Harbinger, Integra, Kikki, Fudou), Paradox e a deusa Atena.


Kouga e os restantes cavaleiros chegam finalmente à sala onde decorre a luta contra Gallia. Os jovens cavaleiros decidem lutar contra a pallasite e esta se enfurece ainda mais. A luta irá continuar no exterior. Gallia começa a luta contra os jovens cavaleiros e Atena e os cavaleiros de Ouro são encorajados por Kouga a seguirem em frente.

O principal motivo da derrota de Gallia tem a ver com a sua falta de respeito em relação aos sentimentos humanos da amizade, amor, partilha e esperança. Subaru irrita-se com a atitude grostesca de Gallia e decide atacá-la com todo o seu cosmo, para espanto do resto dos cavaleiros de bronze. Subaru acaba por danificar a sua espada e cai ferido. É nesse momento que Kouga e os demais cavaleiros de bronze juntam-se para aumentar os seus cosmos e começam a despertar o cosmo máximo, o omega. É neste momento que os jovens cavaleiros assistem à evolução milagrosa das suas armaduras: a armadura de Kouga e Yuna recebem asas, a de Ryuho recebe a cauda do dragão, a de Eden recebe uma proteção exterior característica da constelação de Orion e as de Souma e Haruto recebem garras mais desenvolvidas nos pés.



Porque acreditaram no poder da sua amizade e amor, conseguiram superar o cosmo de Gallia através do uso das suas técnicas habituais. Gallia fica com medo pela primeira vez e morre no ultimo ataque de Kouga, turbilhão de pégaso.

Gallia é presunçosa, malvada, maléfica e pouco crente da esperança. Tal como Aegaeon, pallasite de Primeiro nível, Galia esperava vencer os cavaleiros de Atena através do uso do cosmo da espada e da armadura, que se diz ter o poder de três armaduras de ouro.

Esperamos que Hyperion seja derrotado da mesma maneira.

Roddy Stokes